Quinta-feira, 13.11.08

09.07.1947-12.11.2008


Mitch Mitchell foi o fantástico baterista que propulsionou a elevada carga rítmica já de si inerente à música de Jimi Hendrix. Pegando nos elementos do jazz, do blues e do rock, Mitchell era uma prodigiosa síntese do que deve ser o baterista de uma banda rock, daí que acabasse por se tornar uma das maiores referências dos bateristas do estilo, não sendo de estranhar que muitos jovens mais ou menos impressionáveis tenham pegado nas baquetas depois de muito 'air drumming' ao som da Experience de Hendrix. E quem nunca praticou o 'air drumming' a ouvir Fire ou Manic Depression não pode gostar muito de rock...
Para a História fica ainda a experiência sonora do final do nada menos que sublime hino da era psicadélica Bold As Love, que fecha o segundo disco da Jimi Hendrix Experience, "Axis: Bold As Love", na qual o efeito flanger - normalmente reservado às guitarras e vozes - é aplicado pela primeira vez ao som da bateria, depois contagiando o resto dos instrumentos.

Manic Depression
Fire
The Jimi Hendrix Experience, "Are You Experienced?" (1967)
Bold As Love
The Jimi Hendrix Experience, "Axis: Bold As Love" (1967)
publicado por Olavo Lüpia às 13:40 | link do post | comentar | feedbacks (1)
Quarta-feira, 07.02.07

10/10 (dez-em-dez) - "Are You Experienced?", 1967


Talvez o melhor guitarrista de todos os tempos. De longe, um dos que influenciou mais gente. Pode dizer-se que existe a guitarra antes de Hendrix (AH) e outra depois de Hendrix (DH). Do uso do pedal de wha-wha [ouça-se Voodoo Chile (Slight Return)] ao som fuzz da guitarra, o uso do tremolo ou barra whammy para, em conjunto com o feedback, inventar as dive bombs... (Cenas!...)
É também um factor exponencial (espero não estar a dar uma argolada técnica!) da era psicadélica, da geração do amor e de Woodstock.

"Are You Experienced", lançado em 12.05.1967, é o primeiro LP da Jimi Hendrix Experience (com Hendrix na guitarra e voz, Chas Chandler no baixo e Mitch Mitchell na bateria).
Nele podemos encontrar de quase tudo: o rock «sexy» de Love Or Confusion, Fire ou Foxy Lady, com riffs fabulosos (como o de Purple Haze ou I Don't Live Today); o jazz «ácido» de Third Stone From The Sun ou Manic Depression; as baladas May This Be Love e The Wind Cries Mary; a completamente psicadélica Are You Experienced?; a soul de Remember; e o «12-bar blues» de Red House.
Já para não falar do mega êxito, Hey Joe.
Tudo isto servido com aqueles comprimidinhos mágicos que fazem a vida ficar bem mais colorida!... Em todos essas músicas existe o psicadelismo.
Em suma, um disco muito variado, uma das melhores álbuns de estreia de sempre. Um disco que apenas não chegou ao #1 das tabelas britânicas devido a outro monstro, "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band", dos Beatles.

Termino com uma história que é História.
Consta que Hendrix era um porreiraço, mesmo quando já nem conseguia falar e muito menos saber onde está... No dia 4 de Junho de '67, Hendrix tocava o último concerto em Londres, antes de voar até aos Estados Unidos. Esse espectáculo, no Saville Theatre, contou com muitas celebridades na plateia, como Eric Clapton, Jack Bruce, Brian Epstein e os Beatles McCartney e Harrison.
Pois bem, Hendrix aprendeu a tocar a música novinha dos Fab Four, Sgt. Peppers Lonely Hearts Club Band, e abriu o concerto com ela para lhes prestar homenagem! Conseguem imaginar um acto tão enorme como este no pop rock de hoje em dia?
Quanto ao que interessa:
Purple Haze
Manic Depression
Hey Joe
May This Be Love
The Wind Cries Mary
Fire
Foxey Lady
Are You Experienced?
publicado por Olavo Lüpia às 01:31 | link do post | comentar

pesquisar neste blog

 

subscrever feeds

Rock Stock

Bichos Protegidos da Serra da Malcata

posts recentes

tags