Quarta-feira, 10.06.09

Concertos - Dark Was The Night


O concerto de promoção à compilação "Dark Was The Night" de 3 de Maio, no Radio City Music Hall de New York, foi disponibilizado pela National Public Radio (do qual este tasco parece ter ficado como filial!...).
Nele, podem ouvir prestações dos Dirty Projectors, David Byrne, Bon Iver, Feist, The National, Sharon Jones & The Dap Kings, My Brightest Diamond e Dave Sitek.
Uma pequena nota apenas para o facto de David Byrne ter tocado a sua versão de Don't Fence Me In (original de Cole Porter), incluído na primeira compilação da organização Red + Hot, "Red Hot + Blue" (1990), e de uma música que resultou da sua colaboração com Caetano Veloso para a compilação "Red Hot + Lisbon" (1999), provavelmente, a música com o título mais inesperado do mundo, Dreamworld: Marco de Canaveses.

Concerto "Dark Was The Night"

[Set list:

- The Dirty Projectors:
Useful Chamber
Stillness Is the Move
Ambulance Man (com David Byrne)
Knotty Pine (com David Byrne)
- My Brightest Diamond:
Feeling Good
- The National:
Vanderlylle Cry Baby
- Dave Sitek:
With a Girl Like You
- David Byrne:
Don't Fence Me In
Dreamworld: Marco de Canaveses (com Justin Vernon);
- Bon Iver:
Brackett, WI
Blood Bank
Big Red Machine (com Aaron Dessner e Matt Berninger)
Flume
- Feist:
Train Song (com Justin Vernon)
Someday Baby
- Sharon Jones & The Dap Kings:
Not Gonna Cry
When I Come Home
Inspiration Information
100 Days, 100 Nights
- Todos:
This Land Is Your Land]
publicado por Olavo Lüpia às 18:23 | link do post | comentar
Quarta-feira, 03.06.09

Palavras para quê? (XXV) - Blind Willie Johnson Vs Kronos Quartet



Dark Was The Night - Blind Willie Johnson, 1927
Dark Was The Night - Kronos Quartet, "Dark Was The Night (compilação)", 2009

publicado por Olavo Lüpia às 14:15 | link do post | comentar | feedbacks (1)
Quarta-feira, 18.02.09

Keep It Simple, Sufjan...


Acho que se se pedisse a este tipo para pegar numa guitarra e tocar três acordes, ele não resistiria a compor arranjos de vozes, sopros e/ou cordas para pôr por cima, escrever uma letra e gravar a canção antes que a malta pudesse dizer "Mas só três acordes, por favor, pá".

You Are The Blood - Sufjan Stevens
"Dark Was The Night (compilação)" (2009)
publicado por Olavo Lüpia às 02:29 | link do post | comentar
Segunda-feira, 16.02.09

Blue Mondays...

Sam Beam
[Iron & Wine]

Passing Afternoon, Iron & Wine
"Our Endless Numbered Days" (2004)
Stolen Houses (Die), Iron & Wine
"Dark Was The Night (compilação)" (2009)
publicado por Olavo Lüpia às 07:00 | link do post | comentar
Sexta-feira, 16.01.09

Novidades - "Dark Was The Night"


A Organização "Red Hot", ligada, como se sabe, à consciencialização e prevenção da propagação do vírus HIV conta, na sua futura iniciativa, "Dark Was The Night", com uma verdadeira selecção de estrelas indie (se é que se pode chamar "estrela" a qualquer músico indie. Quer dizer, a Feist anda lá pelo meio...).
Podemos, então, ouvir: Antony Hegarty com Bryce Dessner (dos National), Arcade Fire, Beach House, Beirut, Blonde Redhead com os Devastations, Bon Iver, Bon Iver com Aaron Dessner (também dos National), The Books com José Gonzélez, Buck 65 Remix (com Sufjan Stevens e Serengeti), Cat Power com os Dirty Delta Blues, The Decemberists, Dirty Projectors com David Byrne, Kevin Drew, Leslie Feist com Ben Gibbard, Grizzly Bear, Grizzly Bear com Leslie Feist, Iron & Wine, Sharon Jones & The Dap-Kings, Kronos Quartet, Stuart Murdoch, My Brightest Diamond, My Morning Jacket, The National, The New Pornographers, Conor Oberst com Gillian Welch, Riceboy Sleeps, Dave Sitek, Spoon, Sufjan Stevens e os Yeasayer (ufff...). Realmente impressionante, não é?

O áudio da canção que abre o disco, uma colaboração entre os Dirty Projectors e David Byrne, já foi disponibilizado para download:

Knotty Pine - Dirty Projectors & David Byrne
"Dark Was The Night" (2009)

E não é só!... No myspace do projecto vão poder ouvir uma música por cada dia. Hoje roda por lá a segunda música do primeiro disco: uma interessante cover, do 'consórcio' The Books + José González, da imortal Cello Song de Nick Drake.
O duplo-disco sai em meados de Fevereiro.
publicado por Olavo Lüpia às 18:39 | link do post | comentar | feedbacks (2)

pesquisar neste blog

 

subscrever feeds

Rock Stock

Bichos Protegidos da Serra da Malcata

posts recentes

tags