4 feedbacks:

Anónimo a 3 de Janeiro de 2007 às 02:41
só um reparo, á mete nojo, mesmo, o how strange, innocence é de 2000, de 2005 é o the rescue, e o que ouvi do all of a sudden... tá muito bom.
Pedro @ 2:40 pqp a insónia :|
Olavo Lüpia a 3 de Janeiro de 2007 às 11:56
Pedrito,

tens toda a razão. O "How Strange..." foi lançado primeiramente em Janeiro de 2000 e relançado em Outubro de 2005.
O site all music - que costuma estar sempre certo - dá o disco como sendo de 2005 (só terá contado com a re-edição...).
O reparo é benvindo e vou já corrigir a coisa.
Muito obrigado pela atenção ao pormenor.
Também já ouvi qualquer coisa do "All of a Sudden...". Muito bom.
Um abraço.
Anónimo a 4 de Janeiro de 2007 às 19:26
ainda tava naquela se havia de dizer alguma cena ou não, pq podias levar a mal e tal, e é um pormenor da treta, e eu sou um bocado atrofiado com essas cenas ;) mas depois lá decidi e tb serviu para picar o ponto pela 1º vez aqui no teu tasco. abraço
Pedro
Olavo Lüpia a 5 de Janeiro de 2007 às 01:10
Acredito porque sentisses tal receio... conhecemos mal, não é? Eheheh.
Voltando à vaca fria, percebi que a primeira edição do "How Strange, Innocence" só contemplou a módica quantidade de 300 exemplares - talvez por isso seja mais conhecida a re-edição (mais alargada) de 2005.
Abraço.