Quarta-feira, 18.02.09

Keep It Simple, Sufjan...


Acho que se se pedisse a este tipo para pegar numa guitarra e tocar três acordes, ele não resistiria a compor arranjos de vozes, sopros e/ou cordas para pôr por cima, escrever uma letra e gravar a canção antes que a malta pudesse dizer "Mas só três acordes, por favor, pá".

You Are The Blood - Sufjan Stevens
"Dark Was The Night (compilação)" (2009)
publicado por Olavo Lüpia às 02:29 | link do post | comentar
Terça-feira, 23.12.08

Novidades - Sufjan Stevens


Já faz parte da tradição natalícia que Sufjan Stevens faça um EP da série "Songs For Christmas" e o distribua pela família e amigos, costume começado no Natal de 2001. Como o trabalho era considerável e com resultados grandiloquentes (com Sufjan, é tudo um bocado assim...), em 2006 foram arrebanhados os primeiros 5 EPs da série e lançados juntos, numa caixa.
Desde então que Sufjan fez os volumes sexto e sétimo e entregou-os, como de costume, aos amigos família, que nem sei se acabaram por aparecer na net. O oitavo, deste ano, acaba de "fugir" para a web (logo, já anda por aí para download...).
Desta vez, para além da já costumeira farra musical natalícia, Sufjan traz a questão e a resposta à seguinte questão: a que soaria se os Pink Floyd e os Sigur Rós se juntassem para compor um hino de Natal?...

The Child With The Star On His Head - Sufjan Stevens
"Songs For Christmas, Vol. VIII: Astral Inter Planet Space Captain Christmas Infinity Voyage" (2008)
publicado por Olavo Lüpia às 04:26 | link do post | comentar | feedbacks (3)
Sexta-feira, 28.03.08

Porque hoje é Sexta...


Come On! Feel The Illinoise! [Part I: The World's Columbian Exposition; Part II: Carl Sandburg Visits Me In a Dream]
Chicago
Sufjan Stevens, "(Come On Feel The) Illinoise" (2005)
publicado por Olavo Lüpia às 03:21 | link do post | comentar
Sexta-feira, 21.12.07

Porque hoje é Sexta.../It's the season to be jolly... #2

It's Christmas! Let's Be Glad
Put The Lights On The Tree
Sufjan Stevens, "Songs For Christmas" (2006)
publicado por Olavo Lüpia às 01:45 | link do post | comentar
Segunda-feira, 24.09.07

Blue Mondays...

E assim começa a odisseia de Sufjan Stevens, pelo seu estado-natal, numa excelente canção sobre a cidade de Flint, MI, e o fecho da fábrica da General Motors, nos anos 80, que levou para o desemprego cerca de 30.000 pessoas. Acrescente-se que o facto já havia sido retratado por Michael Moore (nascido, ele próprio, em Flint), no documentário "Roger & Me", de 1989.

Flint (For The Unemployed and Underpaid) - Sufjan Stevens
"Greetings from Michigan: The Great Lake State" (2003)
publicado por Olavo Lüpia às 02:10 | link do post | comentar | feedbacks (2)
Sábado, 17.02.07

Late night Parandróide

Tempo para umas musiquinhas, em regime late (mas mesmo late) night.
Um Night Flight, na voz de Jeff Buckley. O original é dos Led Zepp, do Physical Graffiti, de 1975. Esta versão é a que aparece no 1.º cêdê da Legacy Edition do Live at Sin-É, lançada em 2003.
Impressionante a maneira como ele faz a voz dele encaixar perfeitinha nesta canção, em tantos registos diferentes - blues, soul, jazz, pop, rock - até que no fim...

Night Flight - Jeff Buckley

Passemos para os papões de Sufjan Stevens. Era uma vez um rapaz cujos pais não gostavam assim muito dele. Chamaram-lhe Sufjan. Em 2005, ele perde a cabeça e faz um disco impressionante, chamado "Illinoise". Foi daí que retirei esta excelente

They Are Night Zombies!! They Are Neighbors!! They Have Come Back From The Dead!! Ahhhh! - Sufjan Stevens

Recuando um bom bocado no tempo, temos o inevitável Tom Waits, com uma música que nunca chegou a nenhum disco de originais, sendo recuperada na compilação "The Early Years, Vol. 1", editada em 1991. Pelo som da coisa, parece-me ser do tempo do opus inaugural, "Closing Time" (1973).
I'm Your Late Night Evening Prostitute - Tom Waits

Um docinho, docinho, é esta faixa que encerra "Temple Of The Dog", de 1990, dos Temple Of The Dog:
All Night Thing - Temple Of The Dog

Para acabar, uma historinha para adormecer. Muito engraçada. É um extra do terceiro disco de "Orphans" (2006), o "Bastards".
Não vem creditada.
Por isso, vamos chamar-lhe:

Goodbye, Son! Goodbye, Mom! - Tom Waits

E boa noite, ou, como se diz em tele-jornalês, "Boa Noitss".
publicado por Olavo Lüpia às 04:43 | link do post | comentar
Quinta-feira, 01.02.07

Mas o que eu quero mesmo ouvir é...

Uma pequena lição, em 5 minutos, de como se escreve uma música perfeita. Uma das melhores de 2005.

Jacksonville, Sufjan Stevens
"Illinoise" (2005)
publicado por Olavo Lüpia às 18:49 | link do post | comentar
Sexta-feira, 22.12.06

Vídeos do outro mundo (Edição de Natal)


Put The Lights On The Tree, Sufjan Stevens
"Songs For Christmas, Vol. II - Hark!" (2006)
Animação & Realização: Tom Eaton
publicado por Olavo Lüpia às 02:08 | link do post | comentar
Terça-feira, 19.12.06

Assustadoramente belo


John Wayne Gacy, Jr., Sufjan Stevens
"Illinoise" (2005)

Um retrato do conhecido assassino em série.
publicado por Olavo Lüpia às 13:40 | link do post | comentar | feedbacks (2)
Terça-feira, 12.12.06

Novidades - Sufjan Stevens


Que Sufjan Stevens não bate muito bem da cabeça é facto bem conhecido: é o homem que quer fazer um álbum por cada Estado dos Unidos da América. Com 31 anos, abordou, para já, dois, com "Greetings From Michigan: The Great Lake State" (2003) - de onde é originário, mais precisamente, de Detroit - e "Illinoise" (2005), para mim, provavelmente, o melhor disco do ano passado.
Outra ideia peregrina passou pela cabeça do rapaz: um EP lançado em cada Natal. E desde o ano de 2001 que Sufjan picou o ponto em todos os anos, à excepção de 2004.
Em 2001, "Vol. I - Noel"; no ano seguinte, "Vol. II - Hark!"; em 2003, "Vol. III - Ding! Dong!"; 2005 viu a aparição de "Vol. IV - Joy". Em 2006, ele reune-os, juntando-lhe outra dose: "Vol. V - Peace" e deu à compilação o nome de "Songs for Christmas".
O melhor é concentrar-nos no que é novidade, o último "tomo". Nele podemos encontrar todas as características que conhecemos ao rapaz: grande sentido melódico, muito bom gosto nos arranjos e nos instrumentos escolhidos. Música ambiciosa e muito bem composta. Neste caso, em especial, muita alegria, paz e amor, de acordo com a época em questão.
E que melhor maneira encontraria para introduzir o tema natalício ao tasco?!

Get Behind Me, Santa!
Christmas In July
Holy, Holy, Holy

publicado por Olavo Lüpia às 02:13 | link do post | comentar

pesquisar neste blog

 

subscrever feeds

Rock Stock

Bichos Protegidos da Serra da Malcata

posts recentes

tags

Creative Commons License
Andróide Paranóide by Andróide Paranóide is licensed under a Creative Commons License.