Mas o que eu quero mesmo ouvir

Numa altura em que o rock em português parece estar em crise de escassez, "Bom Dia" dos Pluto foi uma excelente surpresa. Manuel Cruz escreve de uma forma superior e as músicas são porreiríssimas.
Do disco, destaco este A Vida dos Outros. Grande letra, arranjos fenomenais... excelente! Destaca-se também a guitarra de Peixe: riffs incendiários do princípio ao fim e aquele arranjo instrumental final.... Um guitar hero imprevisto. De facto, reconhecendo extrema competência nos trabalhos com que Peixe brindou as músicas dos Ornatos Violeta (só se mostrando quando era necessário, discreto, mas muito eficaz), não esperava aquele show-case técnico e melódico do final deste tema.

A Vida dos Outros - Pluto
"Bom Dia" (2004)

Infelizmente, "Bom Dia" parece ter sido filho único.
Manuel Cruz lança-se a solo este ano com o muito esperado (pelo menos, por estas bandas) "Foge, Foge Bandido"; Peixe tem acompanhado David Fonseca (de forma mais ou menos regular, creio), desde os tempos do seu disco de estreia, "Sing Me Something New" (2003).
publicado por Olavo Lüpia às 01:33 | link do post | comentar